Cores

Vou postar um desabafo aqui. Algo que não tem lugar no mundo, que ninguém precisa ler, algo que na minha vida não faria sentido. Vou postar aqui porque, apesar de tudo, esse é um canto meu que nenhum dos meus conhecidos tem acesso e que ninguém me julga. Ninguém me conhece.


Cores.

São duas da manhã no mundo real, eu estou presa no meu mundo, inundada de pensamentos que, em sua maioria, não fazem o menor sentido. A maior parte das frases que penso começam com "eu", mas esse pronome é o pior para começar frases. O "eu" é desprezível. Penso nele - nessa caso, nela - com uma certa frequência. Não me culpo. O Eu tomou um espaço grande na minha vida nos últimos tempo. Olhei as atualizações dos meus amigos mais cedo, meus antigos amigos, se divertindo, com seus novos amigos. Não entendo o que sinto pelas pessoas, mas sei o que tenho de fazer. Eu preciso me desapegar. Eu preciso de mais "eu" e menos "nós". Eu preciso de mais "agora" e menos "antes". Como substituir a saudade por contentamento? Como substituir o desespero por tranquilidade? Sinto que ninguém mais se importa. Sinto que eu sou a única que olha os status dos outros e pensa "eu gostaria de estar com você". Alguém gostaria, verdadeiramente, de estar comigo? Sinto vontade de chorar.
Antes de ontem eu fiquei com muita raiva, uma raiva que cresceu dentro de mim e tomou a forma da violência. A ira me perseguiu. Bati meu braço com força na mesa. Dei duas mordidas no antebraço. Hoje meu braço está roxo e as marcar dos meus dentes saltam em alto relevo, quase que inflamadas. Alguém mais é tomado por ira a ponto de se machucar? Sinto vontade de ligar para ele.
Ele não me entende, mas me ama. Eu também não o entendo. Gostaria que ele fosse mais frágil, mais vulnerável. Ele é intransponível, sinto que não nos comunicamos. Penso nele. Deve estar dormindo agora e nem se lembra de mim. Por que é tão importante que ele se lembre de mim?
Será que alguém mais depende tanto dos outros que passa madrugadas na cama sentindo saudades? Por que eu dependo tanto dos outros? Eu quero me desapegar, quero pensar no "eu". Quero pensar em mim. Quero que esse meu mundo cinza não precise de outrem para se tornar colorido. Onde estão meus lápis de cor, minhas latas de tinta, meu giz de cera, minha auto estima? Quero criar minhas próprias cores, mas, logo que termino de pintar, as lágrimas apagam tudo.


Conta-me! Como é ser feliz?

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Vergonha

Meninas, desculpem o sumiço. Foi fake. Na verdade eu abri o blog todos os dias, mas eu tive muita vergonha de postar porque estou muito muito gorda. Não estou miando nem usando laxantes, mas estou comendo muito. Não entendo porque não consigo mais fazer dietas, me falta força de vontade, me falta um algo. Fiquei com muita vergonha de postar esses dias, me sinto um completo fracasso. Quando comecei o blog consegui perder algum peso, coisa que não conseguia a tanto tempo! Depois disso, mantive. Quando comecei a engordar, me descontrolei completamente e agora não consigo achar o caminho de volta. Me ajudem. A gorda aqui está com 68kg, se eu chegar à casa dos setenta eu juro que enfio uma bala na minha cabeça.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Frustração

Fiquei muito triste hoje. Eu estava tranquila. Fui mexer no computador do meu namorado e tinha uma aba aberta de internet. Quando eu vi era uma foto de uma mulher semi-nua. Tranquilo. Todo mundo vê pornografia, né? Sei lá, me senti muito mal. Ele estava vendo uma página cheia de mulheres lindas e nuas. Eu realmente me senti horrível porque ele fica vendo corpos perfeitos na internet e depois olha para mim...

Enfim...

Sem muito para dizer hoje. Compulsão. Frustração. Tristeza.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

You can tell jesus that the bitch is BACK!


Olá, lindas!

Voltei de viagem. Ah! Como é bom estar em casa, né? A viagem foi tranquila, nem muito legal, nem muito chata. Até tinha internet de vez em quando, mas não quis dar bandeira. Alguns contratempos, mas eu sinceramente não quero me estressar com nada. Como vocês passaram?
Hoje o tema das fotos que vão rechear o post é: pernas! porque notei recentemente que o que eu mais queria era que minhas pernas fossem finas. Muitas garotas tem problemas com os braços ou com a barriga, mas isso são partes que eu, particularmente, disfarço muito bem! O.K.! Não dá para usar biquini sem se sentir uma obesa, no meu caso, mas no dia a dia eu consigo até esquecer por alguns minutos que sou tão horrorosa nessas partes. Mas as pernas... Eu não uso shorts nem se me pagarem, nem saias. Eu odeio muito minhas pernas, elas são muito roliças mesmo, vocês não têm noção! Daí quando tenho coisas formais para ir - casamentos, formaturas e afins - que sou obrigada a entrar em um vestido, logo vem a depressão. Eu realmente odeio minhas pernas...
Tive bastante tempo para pensar em que dieta vou seguir a partir de hoje e resolvi voltar com meu plano dos 2 kilos por semana. Sabe, funcionou muito bem no começo e eu realmente me motivei! Na verdade, foi o comentário da Callie que me fez lembrar disso! Duh! Que estúpida eu! O nome do blog aí na minha frente e eu perdendo a pista! 
Pois é, e para começar acho que vou fazer a ABC. Já tentei fazê-la duas vezes e não cheguei até o fim, mas isso é sempre problemático com dietas longas, né? Pois bem! Vou tentar entrar na academia ainda essa semana e ver se começo a perder peso! Espero me pesar domingo e estar, pelo menos, 2 kilos mais magra! Espero não - eu vou!
Ah! Eu vi que algumas meninas estão passando por uma fase complexa, mas quero que saibam que podem contar comigo, viu? Estou aqui para ser abusada mesmo! Mandem notícias! Quero muito saber como foram os dias que eu passei fora!

Muitos beijos a todas!
Boa sorte e muita força!


P.S.: Callie, sua fofa! Queria estar no ensino médio ainda para pedir ajuda nos estudos para você, mas já estou quase formando na faculdade - então deveria conseguir levar meus estudos sozinha. De qualquer forma, muito obrigada por ter se oferecido, eu achei muita consideração da sua parte!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Boa noite, flores!

Como foi o Reveillon? O meu foi muitíssimo divertido. Tentei ficar tranquila, tive umas briguinhas com o boy na virada, mas sobrevivemos e terminamos o dia do melhor jeito possível: completamente bêbados. Fiquei sem postar porque esses dias de festa é complicado, mas continuo comentando toda vez que tenho um tempinho.
É muito bom descansar um pouco, semestre passado foi muito cansativo para mim! Peguei muitas matérias mesmo e acabei me enrolando no fim, então decidi fazer algumas matérias no verão para ver se tenho um semestre letivo mais tranquilo. Depois de matricular-me bateu aquele arrependimento porque agora vou ter aula nas férias... Então essa vai ser a única semana que eu vou ficar de bobeira!
Então, amanhã eu vou viajar e não sei como vai ser de internet lá. Então talvez eu dê um pequeno sumiço, mas se eu receber o mínimo sinal wi-fi passo correndo aqui para contar como estão indo as coisas e ver como estão vocês.
Fiquei meio triste ontem, mas hoje descobri logo o motivo: menstruação. Ela veio com tudo, ataquei chcolate e tudo que há de mais doce... Sinceramente? Fiquei muito aliviada de ela ter vindo! Achei que ela estava demorando esse mês e fiquei com medinho de estar grávida. Isso porque eu sou muito paranóica mesmo, já que nunca faço sexo sem proteção. Mas mesmo assim fiquei triste de ter comido, porque eu tinha começado super bem minha dieta. Aiai, será que um dia eu vou poder um shortinho desse?


De qualquer forma, muita sorte para vocês. Quando eu voltar de viagem vou começar uma dieta. Ainda não decidi qual, mas, se vocês puderem me sugerir algo, eu ficaria bem feliz!

Beijos
H.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS